Minhas impressões sobre o livro: ” A guerra que salvou a minha vida”.

51142222_146272943054982_1111056494108860310_n

A guerra que salvou a minha foi publicado em 2015 e ganhou as seguintes premiações:

  • Newbery Honor Book; 
  • Schneider Family Book Award;
  • Josette Frank Award;
  • Foi eleito um dos melhores livros do ano de seu lançamento pelo Wall Street Journal, a revista Publishers Weekly a New York Public Library  e a Chicaco Public Library.

Editora: DARK SIDE BOOKS

Páginas: 234

Autora: Kinberly Brubaker Bracley

Sinopse: 

Ela teve a chance que Anne Frank não teve. A guerra que salvou a minha vida é um livro sobre as muitas batalhas que nós precisamos vencer para conquistar um lugar no mundo. 

A segunda Guerra vista pelos olhos de uma menina que se transforma em refugiada no seu próprio país. 51747507_2329764790380194_554907015119918641_n

 

Ada é uma menina de 10/11 anos que vive à janela apreciando as pessoas que passam pela rua de sua casa na cidade de Londres. Seu jeito pueril não deixa ela perceber o quão difícil é sua vida. Para ela, ter o pé torto, é ser o pequeno monstro que sua mãe morre de vergonha que as pessoas da rua vejam.

Ada é negligenciada pela própria mãe e nem imagina o mundo novo que ela pode e merece viver.

Jamie, seu irmão mais novo é de certa forma, uma inspiração para sua vida. Pois, por e para ele que ela se esforça a cada dia para poder viver e enfrentar as duras batalhas de sua vida.

São obrigados a se refugiarem em cidades do interior para sobreviverem a possíveis ataques aéreos que a Inglaterra sofreria com as investidas dos alemães. Ada e Jamie conhecem uma nova vida, uma nova história será escrita para eles. Susan será a salvação para a vida de ambos ou eles serão a salvação para a vida de Susan?

 

O que eu achei sobre o livro ” A guerra que salvou a minha vida”?

Achei  que a autora conseguiu com maestria passar a visão da Ada sobre cada nova descoberta ou cada novo sofrimento que ela passava. Consegui ver Ada alegre e triste e, a cada nova conquista eu pude visualizar a felicidade de Ada e Jamie.

É comovente ver as interações que Ada tem com Susan e também com os aprendizados. A narrativa é perfeita e, realmente, parece uma criança contando a própria história.

É bem fluído e os capítulos são bem curtinhos, dá para ler em dois dias (isso depende do seu tempo, claro.)

Acho que é um livro interessante para quem gosta de história inspiradoras de personagens fortes e que nos passam uma mensagem. Ada me passou a mensagem de que com vontade, determinação e muito amor, tudo é possível.

É difícil falar de um livro sem dar spoiler… rsrsr. Mas, uma coisa eu digo: o livro é uma graça e a história é muito linda. Estou louca para ler a continuação (que já está aqui na fila de próximas leituras rsrs) ” A guerra que me ensinou a viver”.

 

 

53482479_1233347333481720_7409857071659615409_n

Obrigada por ter dedicado um tempinho do seu dia para ler meu texto! 🙂

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s